CATA-VENTO COM DÍNAMO DE BICICLETA


A postagem com o título “Gerador Eólico Caseiro” continua, segundo as estatísticas, a ser nitidamente a página mais visitada deste blogue.

Sendo certo que me esforço o mais possível por escrever artigos com algum interesse e qualidade, não me parece, contudo, que a curto ou médio prazo vá conseguir suplantar com outro qualquer artigo o que escrevi sobre o meu gerador eólico. Já tentei descortinar a razão do sucesso deste artigo uma vez que ele não representa o relato de um projecto com êxito pleno, uma vez que não consegui atingir com ele os objectivos que pretendia e que passavam, principalmente, pela produção de energia eléctrica para armazenar em baterias de automóvel.

Creio que esse sucesso se deve, em primeiro lugar, à seriedade com que o artigo foi apresentado e que, de algum modo, permitiu desmistificar um pouco a utilização de um alternador de automóvel para produzir energia acoplado a uma pequena turbina eólica de fabrico caseiro.

Não é possível carregar baterias com um alternador, desta forma, foi a conclusão a que cheguei. Já aqui escrevi outro artigo sobre o assunto com o titulo “Gerador Eólico com Alternador de Automóvel", com o intuito de, dentro dos meus modestos conhecimentos, dar a conhecer as razões da inutilidade dos esforços em se conseguir carregar baterias com um alternador, mas não em absoluto, claro. Poderá ser possível com modificações no aparelho e através de uma turbina com grandes pás onde o vento poderia exercer uma força grande, obter algum êxito. Mas de uma forma primária, com uma máquina pequena e completamente artesanal, atrevo-me a dizer que é impossível, mesmo.

Entretanto, tenho recebido comentários e sugestões na página e também por email no sentido de pôr o gerador em funcionamento, fazendo modificações no alternador, ou aplicando outro tipo de gerador. Uma dessas sugestões aponta para a aplicação do sistema de um ciclomotor que também carrega baterias de 12 volts, mas que devido à pouca cilindrada do veículo, gera um menor campo magnético podendo ser, eventualmente, aplicado com êxito numa pequena turbina.

De qualquer modo resolvi deixar, por agora, esse projecto de lado e tentar obter energia de forma idêntica, utilizando um dínamo de bicicleta de 18 volts, aplicado num cata-vento que recuperei depois deste ter sido parcialmente destruído por uma forte tempestade num dos últimos invernos e que aqui dei conta em: “Vendaval na Chácara”.


Não é, certamente, uma grande solução para que possa conseguir grandes resultados, nem sequer sei se com o dínamo conseguirei carregar uma bateria, mas sei que pelo menos irei acender uma lâmpada quando soprar algum vento pois conheço bem o funcionamento do dínamo visto este já me ter iluminado, e bem, muitos quilómetros de caminho quando, já lá vão muitos anos, tinha necessidade de utilizar a bicicleta durante a noite em deslocações para o trabalho.

E, de resto, este cata-vento que antes tinha a finalidade de embelezar a paisagem, irá continuar a ter a mesma função, pois não foi inicialmente projectado para gerador eólico, apenas aproveitei a sua recuperação para fazer algumas modificações, entre as quais aplicação do dínamo.

Apenas fiz ontem a sua montagem na torre e as necessárias pinturas para evitar a corrosão, pelo que ainda não tive a oportunidade de o ver a fazer rodar o dínamo, mas já tinha experimentado o seu funcionamento rodando a turbina à mão, não ficando esta muito pesada, pelo que é de prever que funcionará.

Para a construção deste cata-vento utilizei apenas materiais aproveitados de sucatas. No cimo da pequena torre de pedra construí uma coluna com um tubo de PVC com o interior em cimento, tendo levado ao centro um eixo de um carro de mão de duas rodas. No cimo deste eixo vertical roda uma peça também feita de um tubo cheio com cimento e ferro, onde ficou chumbado um cubo de uma roda antiga de motorizada permitindo assim que a turbina do cata-vento gire com facilidade, procurando a direcção do vento.

A turbina roda assente num eixo extraído também do cubo de uma roda de moto e as pás foram feitas de alumínio tirado do revestimento interior das paredes de uma arca frigorífica, tendo sido reforçadas com peças de estores e também com arame. Na composição desta turbina entram também um aro de bicicleta, alguns discos de aço de cortar pedra, raios de rodas de moto, ferro e cimento. Para o orientador da direcção do vento utilizei um grande disco abrasivo, daqueles utilizados para cortar vigas de pré-esforçado para pisos de casas… Enfim, mais parece uma salada russa!


Logo que tenha vento suficiente farei um pequeno vídeo mostrando a máquina em funcionamento, se possível com o dínamo já a produzir energia.


Pode ver o Cata-vento a funcionar em Gerador Eólico com Dínamo de Bicicleta

Visite a página Projectos Caseiros onde estão listados outros artigos relacionados com construções caseiras.  

Comentários

  1. Caro Amigo, como vai? Meu computador ficou pronto tem algum tempo mas , tenho estado muito ocupada com o trabalho e meus cães, quase não tenho usado meu blog e, por consequencia não tenho visitado o blog dos amigos... preciso colocar minha leitura em dia!
    Mas, aproveitando a visita que venho lhe fazer , quero elogiar suas fotos, estão lindas ! Simplesmente adorei a composição e achei de grande qualidade essa primeira foto ...esta linda!

    Voce é um construtor de engenhocas muito competente , a única coisa caseira que sei fazer é comida...ahahah
    Beijinho querido amigo!

    Cintia

    ResponderExcluir
  2. Olá bom dia, não sou de ficar vizitando blogs dos outros direto, então não adianta me responder pelo blog que provalvelmente não volto mais aqui, mais vai uma dica.... você conhece o Biodigestor, sistema simples que voçê deve gastar o mesmo que gastou para construções acima , mais que voçê conseguiria energia suficiente para até abastecer uma casa inteira, mais informações me esreva
    sustentabilidade.energia@gmail.com
    Abrç
    Vinícius Borges

    ResponderExcluir
  3. estou precisando de um projeto desse pra deixa meu pc ligado como faço pra que eu possa con segui fazer um desse em casa

    ResponderExcluir
  4. Ei tem um cara que conseguiu, e ele tem tudo explicado nesse endereço:
    http://novaenergia.pt/forum/viewtopic.php?f=79&t=8127

    e se você tiver qualquer dúvida ele te responde atenciosamente.

    Rafael R. Barroso

    ResponderExcluir
  5. assim que terminar o meu eu explico tudo

    ResponderExcluir
  6. tou costruindo um gerador eolico e ja deu os primeiros giros quando estiver proto e funcionado vou postar passo a passo como funciona

    ResponderExcluir
  7. Obrigado a todos pelos comentários aqui deixados.
    Aos amigos que estão a trabalhar em projetos idênticos desejo muito sucesso e que contem aqui as vossas experiências pois o assunto é interessante e poderemos aprender uns com os outros.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Caro... já disse que estava no mesmo caminho e esbarrei na velocidade exigida pelo alternador, né? Então vou partir para fabricar o meu pr´´oprio alternador, mais macio e menos exigente qto à velocidade. Há vários modos e modelos no youtube e outros sites (youtube é mais completo, rs, apesar de ter muito lixo também). Vou fazer um bem forte, com 16 bobinas e 16 ímans permanentes de neodímio. Há muitos feitos com motor de cooler de computador 12V => Qto mais robustos, melhor.

    http://www.youtube.com/watch?v=bHzt74CE0fg ==> este é o que eu quero fazer.

    https://www.google.com.br/#q=Gerador+e%C3%B3lico+16+bobinas&hl=pt-BR&safe=off&tbo=d&source=lnms&tbm=vid&sa=X&ei=FqQBUaiaFonI9QTnwYD4AQ&ved=0CAoQ_AUoAA&bav=on.2,or.r_gc.r_pw.r_cp.r_qf.&bvm=bv.41524429,d.eWU&fp=daf31d4be920b07c&biw=1276&bih=706

    http://www.youtube.com/watch?v=F16f-qm9edk
    http://www.youtube.com/watch?v=cgdhTouEPjk
    http://www.youtube.com/watch?v=F17iwZZyoLE
    http://www.youtube.com/watch?v=VeyvBZP2n80
    http://www.youtube.com/watch?v=pSLU16kDN34
    http://www.youtube.com/watch?v=l81BwO9RAsg&feature=player_detailpage

    ResponderExcluir
  9. ola! estive olhando e lendo sobre seus artigos e achei muito bom, estou em mente de construir um cata-vento para bomba d'agua, sendo que a bomba eu ja tenho, se tiver o passo a passo da fabricação do cata-vento e não for incomodo poderia me enviar, para eu poder tira uma base de como fazer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Uesley. Eu não tenho propriamente nenhum passo a passo de como construir um cata vento. Dependendo do que se pretende com ele, pode ser feito de inúmeras maneiras.
      Neste blog estão vários posts que escrevi sobre os meus cata ventos e também têm vídeos. Talvez encontre algo mais que o ajude.

      Excluir

Postar um comentário